4 principais tipos de radiografia odontológica

Para os cirurgiões dentistas, a radiografia odontológica é um dos exames mais importantes de serem realizados nos pacientes. Isso porque a boca é uma parte pequena do corpo, mas que tem estruturas bastante complexas.

Assim sendo, a radiografia funciona como um exame que utiliza feixes de raio-X para gerar imagens de duas dimensões. Os raios atravessam o corpo humano e conseguem captar estruturas densas, como os ossos.

Conheça agora os 4 principais tipos de radiografia odontológica

radiografia odontológica
radiografia odontológica

No que se refere exclusivamente à radiografia odontológica, podemos dizer que o exame serve para diversas finalidades. Pode ser que o dentista precise ter um contexto geral da boca do paciente. Também é possível que seja necessário observar de perto algum dente ou estrutura, como a anatomia da ATM.

Para cada uma dessas situações existe um tipo de radiografia odontológica. A seguir, apresentaremos as principais delas. Veja!

1. Radiografia periapical

A radiografia periapical fornece visualização de detalhes de um ou mais dentes. A partir dela é possível analisar desde a parte superior até o uso que a apoia.

Esse tipo de radiografia odontológica é recomendado para avaliar as coroas e as raízes dos dentes, bem como diagnosticar lesões periapicais e a presença de cáries.

Para que esse exame seja realizado, é preciso que o paciente seja posicionado em frente ao equipamento de raio-X, usando um molde na boca, acima dos dentes que deverão ser analisados.

2. Radiografia panorâmica

A radiografia panorâmica é um exame que possibilita ao dentista visualizar os dentes, as mandíbulas, a área nasal, os seios nasais e as articulações da mandíbula do paciente.

Esse exame é solicitado quando se precisa ter uma visão geral do quadro do paciente. É bastante comum os odontologistas realizarem a radiografia panorâmica periodicamente em pacientes que usam aparelho ortodôntico, por exemplo.

A realização da radiografia panorâmica é feita por meio de um equipamento giratório, que capta imagens de todo o crânio do paciente.

3. Radiografia oclusal

A radiografia oclusal serve para que o dentista tenha uma visão nítida e ampla do assoalho da boca do paciente. A ideia é que se possa observar se existem dentes extras, como siso, que ainda não nasceram.

Para realizar esse exame, o paciente precisa colocar uma película radiográfica na boca. Na sequência, o dentista ou técnico em radiologia posiciona o paciente no mesmo ângulo da oclusão do paciente, de maneira perpendicular e faz a coleta da imagem.

4. Radiografia interproximal

A radiografia interproximal é um exame que serve para visualizar as arcadas dentárias superior e inferior dos pacientes. A principal utilização desse exame é para pesquisar cáries nas faces interproximais.

Nesse tipo de exame, o dentista precisa colocar um molde de metal protegido com um filme plástico na boca do paciente. Esse acessório serve para guiar a direção dos raios-X.

A telerradiologia como suporte para os exames de radiografia odontológica

Para os dentistas e para os radiologistas, conhecer sobre os diferentes tipos de exames de radiografia odontológica é importante. 

Isso porque, dessa forma, é possível saber qual é a melhor opção para cada situação e ser mais conclusivo ao fazer diagnósticos e propor tratamentos aos pacientes.

A telerradiologia, serviço de elaboração de laudos a distância, é uma excelente maneira para otimizar o trabalho feito por esses profissionais. Isso porque, ao contratar uma empresa especializada no segmento, não é necessário contar com um radiologista na clínica.

Além disso, a telerradiologia pode servir para cobrir o trabalho do radiologista, quando ele estiver de férias, por exemplo.

Entenda como a telerradiologia funciona

Quando contrata uma empresa de telerradiologia, a coleta das imagens da radiografia odontológica é feita normalmente na clínica especializada. A diferença é que não precisa contar com um radiologista in loco para analisar as imagens e elaborar o laudo dos exames.

Por meio de moderno software, as imagens são compartilhadas com o serviço de telerradiologia contratado. Lá, renomados radiologistas analisam as imagens e desenvolvem os laudos dos exames.

Depois de pronto, os laudos são enviados para o solicitante, por meio do mesmo sistema. Tudo de maneira muito rápida, prática e efetiva!

O dentista recebe os resultados dos exames que solicitou e, com base nisso, pode propor os melhores tratamentos para os pacientes. 

Vantagens da telerradiogia

A telerradiologia oferece uma série de vantagens para as clínicas odontológicas e de radiologia. Veja algumas delas!

Redução dos custos

Os custos são reduzidos ao contratar um serviço de telerradiologia. Isso porque não é preciso pagar um profissional, com todos os direitos trabalhistas, para laudar os exames.

Os valores são cobrados por exame laudado, sem que seja preciso arcar com uma mensalidade.

Atendimento em férias e feriados

Em feriados prolongados ou períodos de férias, é comum que as clínicas fiquem desassistidas. Com a telerradiologia isso deixa de acontecer!

O serviço funciona todos os dias do ano! Além disso, também pode ser solicitado com urgência, sempre que for necessário.

Segurança da informação

A segurança da informação é muito importante nos dias atuais. É importante preservar os dados sigilosos dos pacientes, conforme orienta a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

As empresas de telerradiologia, como a BR Laudos, têm sistemas totalmente criptografados, que impedem o vazamento de dados.

Queremos muito que você tenha compreendido sobre os diferentes tipos de radiografia odontológica e aprendido sobre os benefícios da telerradiologia, para laudar os exames.

A BR Laudos pode ajudar muito a sua clínica a ter mais sucesso! Entre em contato conosco e conheça mais sobre os nossos serviços!

Leia também

Deixe uma resposta